Fettuccine all’Alfredo

Posted on Feb 26 2008 - 2:18am by Tigre



Alfredo di Roma

É engraçado pensar que este foi o meu primeiro prato preferido. Quando criança pedia aos meus pais para ir no “Alfredo di Roma” que tinha em São Conrado, comer este fettuccine. A massa era levada a mesa coberta de queijo parmesão que magicamente se transformava, nas mãos do garçom, num delicioso e cremoso molho. Um felizardo da mesa ganhava o prato na travessa em que o queijo era misturado e podia se esbaldar com muito mais molho.

Comia sonhando ir para Roma conhecer o Alfredo “original” onde, segundo a lenda, a massa era servida não na travessa, mas na panela onde os fettuccine eram feitos junto com os talheres de ouro do próprio dono.

Fiquei surpreso com a simplicidade da receita que encontrei na minha “bíblia” de cozinha italiana com o nome de Molho de Creme de Leite e Manteiga. Pensando no garçom do Intercontinental não vejo como ela possa ser diferente. O segredo não é o parmesão especial que eu imaginava ser naqueles meus 9 anos de idade, mas sim o creme de leite fresco e a manteiga que dá a base do molho e um leve azedo, aquele que faz as papilas gustativas salivarem enchendo a boca com o sabor cremoso do parmesão. Prato ideal para uma segunda feira a noite quando só se tem em casa:

Fettuccine all’Alfredo
 
Tempo de Preparo
Tempo de cozimento
Tempo total
 
Este é o famoso macarrão com molho de queijo. Muito fácil de fazer e uma delícia!
Autor:
Cuisine: Italiana
Serve: 5
Ingredientes
  • 1 xícara de creme de leite fresco
  • 2 colheres de sopa de manteiga
  • 600 g de fettuccine caseiro, ou no meu caso, um fettuccini seco de boa qualidade.
  • ⅔ de xícara de queijo parmigiano reggiano ralado na hora mais uma porção adicional para ser levada a mesa
  • Sal a gosto
  • Pimenta do reino moída na hora
  • 1 noz moscada inteira
Instruções
  1. Em uma panela coloque ⅔ do creme de leite e toda a manteiga, ligue em fogo médio e cozinhe por menos de 1 minuto, é bem rápido, só para dar tempo para o creme e a manteiga terem engrossado. Desligue o fogo e reserve.
  2. Cozinhe a massa em água fervente já salgada até quando estiver praticamente al dente, o fettuccine caseiro vai ser bem
  3. rápido, 1-3 minutos. Para o seco veja na embalagem.
  4. Transfira a massa escorrida para a panela com o creme abaixe o fogo e misture a massa cuidadosamente levando a massa de baixo para cima. Este movimento fará com que toda a massa seja coberta pelo creme.
  5. Jogue o restante do creme e o queijo parmesão, uma pitada de sal, pimenta do reino e um pouco de noz moscada ralada na hora, não muito, menos de ⅛ de colher de chá. Revolva novamente o fettuccine e sirva imediatamente. O sortudo da casa é servido na panela!

Essa receita serve 4+1 sortudo

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

4 Comments so far. Feel free to join this conversation.

  1. Cristiano Sandroni February 26, 2008 at 1:22 pm -

    Olá CHEF ! O Alfredo (infelizmente já falecido) tinha a mais notória massa fresca de Roma, mas não da Itália. O felizardo que comia na travessa era sempre o último cliente, mas com o tempo a notícia se espalhou e ninguem mais queria sair do restaurante, só para ser o último, e aí ele parou com isso.
    O CHEF vai ter que perdoar, mas no condado de CALCI no interior da Itália, a cerca de 50 km de Pisa, encontramos a melhor massa de que se tem notícia.

  2. Tigre February 26, 2008 at 3:23 pm -

    Se você for visitar o site do restaurante original que existe até hoje verá que já estamos na 3a geração de Alfredo’s hehehehe

    Acredito em você que a melhor massa seja em CALCI, quando descobrir mais sobre o assunto, ou visitar pessoalmente o local, eu te conto.

    Abs!

  3. Cristiano Sandroni March 3, 2008 at 12:52 pm -

    Essa eu quero ver !
    Quando em Calci procure pelo Sandroni e descobrirá que todos lá são….incusive a cozinheira e dona do restaurante.

  4. Leo January 2, 2009 at 6:02 am -

    Olá. Os filhos do Alfredo que herdaram o restaurante brigaram e hoje existem duas versões do “Alfredo” na Itália. Em Roma, esses restaurantes não têm um fama particular, porque para eles massa boa é a da mamma.

    Obs: Esse também era meu prato fetiche da infância. Qualquer dia desses, me arrisco a fazer a receita.

Leave A Response

Nota:  

Login with Facebook: